Loading...

Se inscrever Se inscrever Se inscrever

As 5 principais estratégias para melhorar a educação do paciente

9 de fevereiro de 2022 - Parul Saini, Equipe Webmedy


À medida que avançamos na cultura evoluída de cuidados centrados no paciente no setor de saúde, nunca antes o paciente foi tão capacitado quanto agora. Tão essencial quanto o processo de cuidar é o valor percebido em um paciente bem informado, que aceita e trabalha em prol de seu bem-estar e qualidade de vida. Quando os pacientes carecem de informações importantes, suas escolhas e decisões podem ir contra o conselho médico e causar uma deterioração da saúde. Quanto mais informações um paciente tiver, mais provável será que ele manifeste mudanças de estilo de vida dispostas e cumpra os conselhos do médico. Esse processo de empoderamento do paciente, por meio do compartilhamento de informações estruturado, customizado e metódico, é chamado de Educação do Paciente.

A educação do paciente deve ser abrangente e de fácil compreensão. O profissional de saúde deve se concentrar nos pacientes que não têm a capacidade de entender as informações sobre os cuidados de saúde e o que eles precisam fazer com essas informações.

Neste blog, mencionamos algumas estratégias e dicas para melhorar a educação do paciente, continue lendo para saber mais.

Fornecer ao paciente informações sobre sua doença garante que o paciente compreenda as instruções do médico e a necessidade de quaisquer mudanças no estilo de vida.

As 5 principais estratégias para melhorar a educação do paciente

  • Use métodos de ensino diferentes

    Diferentes pacientes têm diferentes métodos de aprendizagem, por isso é útil usar uma variedade de métodos de ensino ao educar seus pacientes. Embora explicar verbalmente um procedimento ou condição possa funcionar bem para um paciente, outro paciente pode aprender melhor lendo um panfleto ou assistindo a um vídeo. Identifique qual método funciona melhor para cada paciente.

  • Envolver a Família

    Se o seu paciente tiver familiares próximos, inclua-os no processo de educação do paciente. Os familiares muitas vezes são responsáveis por ajudar no cuidado do paciente, portanto, eles devem entender o procedimento ou a condição. Os membros da família também podem fornecer um sistema de apoio para os pacientes.

  • Utilize a tecnologia

    A tecnologia da área médica está em constante avanço, portanto, aproveite-a em seus processos de educação do paciente. Torne os recursos de educação do paciente prontamente disponíveis on-line e forneça mais recursos ou informações individualizados do paciente virtualmente.

  • Estimular o interesse do paciente

    Os pacientes devem entender por que isso é importante. Estabeleça um relacionamento, faça e responda perguntas e considere as preocupações específicas do paciente. Alguns pacientes podem querer informações detalhadas sobre todos os aspectos de sua condição de saúde, enquanto outros podem querer apenas os fatos e se sair melhor com uma simples lista de verificação.

  • Considere as limitações e pontos fortes do paciente

    O paciente tem deficiências físicas, mentais ou emocionais que afetam a capacidade de aprender? Alguns pacientes podem precisar de materiais com letras grandes e, se o paciente tiver deficiência auditiva, use materiais visuais e métodos práticos em vez de simplesmente fornecer instruções verbais. Sempre peça aos pacientes que expliquem o que você lhes ensinou. Muitas vezes, as pessoas acenam com a cabeça "sim" ou dizem que compreendem o que é ensinado, mesmo que não tenham ouvido ou compreendido. Considere fatores como fadiga e o choque de aprender um diagnóstico crítico ao educar os pacientes.

Algumas outras dicas que podem ajudá-lo a melhorar a educação do paciente

  • Comece a educar os pacientes a cada encontro desde a admissão.
  • Delegue mais responsabilidades para apoiar a equipe e seja mais focado na educação do paciente.
  • Descubra o que o paciente já sabe. Corrija qualquer desinformação.
  • Alimente as informações dos pacientes em termos leigos. Utilize recursos visuais sempre que possível.
  • Questione a compreensão deles sobre os cuidados e planeje a próxima lição.
  • Use a demonstração de retorno ao administrar os cuidados. Envolver o paciente desde o primeiro tratamento.
  • Peça ao paciente para lhe dizer como explicaria (passo a passo) sua doença ou tratamento para seu ente querido.
  • Certifique-se de que o paciente entenda os medicamentos enquanto você os administra. Certifique-se de que eles entendem como e quando reabastecer os medicamentos.
  • Fornecer aos pacientes informações sobre sinais e sintomas de sua condição que exigirão atenção imediata.

Siga estas dicas e estratégias, e sua clínica será capaz de se comunicar adequadamente e cuidar de todos os seus pacientes. Mas, por outro lado, você deve continuar a valorizar a qualidade do atendimento que presta.

Mantenha-se informado.


Tenha acesso à cobertura premiada do setor, incluindo as últimas notícias, estudos de caso e consultoria especializada.

Sucesso em Tecnologia é se manter informado!

siga-nos nas plataformas sociais


Postagens relacionadas


Categorias


16 Postagens

Ultima atualização 27 de agosto de 2022

47 Postagens

Ultima atualização 30 de março de 2022

33 Postagens

Ultima atualização 20 de março de 2022

61 Postagens

Ultima atualização 26 de agosto de 2022

5 Postagens

Ultima atualização 10 de agosto de 2022

3 Postagens

Ultima atualização 16 de agosto de 2022

Postagens em alta


Mantenha-se informado.


Tenha acesso à cobertura premiada do setor, incluindo as últimas notícias, estudos de caso e consultoria especializada.

Sucesso em Tecnologia é se manter informado!

Se inscrever Se inscrever Se inscrever

siga-nos nas plataformas sociais


siga-nos nas plataformas sociais


© 2022 Ardinia Systems Pvt Ltd. Todos os direitos reservados.
Divulgação: Esta página contém links de afiliados, o que significa que recebemos uma comissão se você decidir fazer uma compra através dos links, sem nenhum custo para você.
Política de Privacidade
Webmedy é um produto da Ardinia Systems.